• publicado em 24.02.2012
  • Planejamento Estratégico: reunião 27/02
  • Foco é estruturar planos para os próximos 10 anos
  • A Airvo/Sindimob (Associação Industrial da Região de Votuporanga/Sindicato das Indústrias do Mobiliário) realiza na próxima segunda-feira (27/02), às 16hs, uma reunião que visa elaborar o Planejamento Estratégico da entidade para os próximos 10 anos. Ele será realizado em parceria com a Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), através do analista de desenvolvimento, Fernando Simões.

    No começo deste mês, a presidente da entidade, Adelia Porto, juntamente com o primeiro vice-presidente, Sérgio Braga; o segundo vice-presidente, Agnaldo Giolo; o diretor administrativo, Eduardo Pardo da Costa, e o advogado das entidades, Orivaldo Oriel Mendes Novelli, se reuniram para iniciar os trabalhos. 

     

    Metas

    Vários são os objetivos da atual presidente da entidade para os próximos 10 anos. “Na última década a Airvo/Sindimob conseguiu cumprir, praticamente, todas as metas traçadas. Agora é a hora de estabelecer novos objetivos”, reforçou Adelia. Ela destaca que na reunião de segunda-feira, além dos diretores, poderão participar os associados que desejam contribuir com boas ideias.

    Os temas previstos para debater no planejamento, segundo a presidente, são: o fortalecimento da indústria; saúde; sistema de informação; profissionalização; comissões de trabalho; provisão de recursos; alianças; tendências futuras; criação de marcas fortes, e  exportação. ”Vamos priorizar, nesse planejamento estratégico, como contribuir para o fortalecimento da indústria em Votuporanga e região”, falou.

    Para Sérgio Braga, o planejamento estratégico visa aprimorar a representatividade das entidades, fortalecendo a importância para a classe; melhorar a atuação política do sindicato; e estabelecer ações em busca de competitividade. “Não podemos nos esquecer também das ações de inovação” disse. Braga sugeriu ainda que o sindicato busque mecanismos para viabilizar as exportações.

    Aguinaldo Giolo sugere que a Airvo/Sindimob possa fazer o planejamento tributário para as empresas. “As entidades podem intermediar alguém para ajudar nesta área, fazendo este projeto para que as decisões possam ser tomadas. No Brasil as leis mudam muito, e é imprescindível estar atualizado para ter os benefícios que elas proporcionam”, destacou.

     

    Apresentação

    Os sindicatos são a base da representação da indústria e para que se tornem mais fortes e representativas, é necessário que essas entidades reflitam sobre o seu papel e definam objetivos e caminhos para aumentar a efetividade de sua atuação. A atividade de defesa de interesses, hoje decisiva para a competitividade empresarial, é exercida pela entidade no plano local, devendo este ter clareza quanto a sua missão, objetivos e estratégias.

     

    Meta

    Desenvolvimento de um processo de trabalho no sentido de dotar o sindicato de estrutura e serviços capazes de assegurar a auto-sustentabilidade, o desenvolvimento e especialmente o bom desempenho de suas funções, permitindo o alcance de auto-suficiência econômica e financeira.

     

    Objetivo

    Auxiliar a entidade a transformar-se em organização moderna, centrada na prestação de serviços, no associativismo, desenvolvimento tecnológico, formulação de projetos, aperfeiçoamento do capital humano sem descuidar do objetivo primordial de representação e defesa dos interesses da categoria econômica representada. 

     

    Resultados

    Ao final do processo, o sindicato terá em seu poder ferramentas para auxiliar no desenvolvimento e condução dos trabalhos e ações, promovendo isonomia na visão da base representada.

     

    Karolline Bianconi

    Assessoria de Imprensa Airvo/Sindimob

    (17) 3421-4077

    imprensa@airvo.com.br