• publicado em 15.06.2011
  • Internet tem:
  • cursos gratuitos para empreendedores
  • Com um pouco de disciplina, vontade de aprender, computador e acesso a internet, é possível estudar e tornar seu negócio mais competitivo sem gastar.

    Instituições como a Open Course Ware Consortium são exemplos disso. Ela congrega escolas, faculdades e universidades de todo o mundo e oferece cursos gratuitos de alta qualidade técnica e educacional em forma de publicações digitais.

    São mais de 200 instituições educacionais associadas em todo o globo.

    No Brasil, a FGV (Fundação Getulio Vargas) é conveniada. De instituições estrangeiras, tem até cursos no concorrido e respeitado MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts).

    Outro canal importante de informação é o The Open University, website que reúne 570 cursos gratuitos, alguns até com certificado.

    A maioria não exige qualificações específicas, e todo o material didático foi desenvolvido por professores e alunos dessas instituições.

    Entre as centenas de assuntos abordados estão gerenciamento estratégico, negócios sustentáveis, liderança, inovação e marketing.

    Veja algumas instituições que oferecem cursos gratuitos:

    Fundação Getulio Vargas

    A faculdade pede que o estudante preencha um cadastro caso queira receber uma declaração de término dos cursos. Para isso, é preciso acertar 7 entre 10 questões no fim das aulas.

    Os cursos têm, em média, de 5 horas a 15 horas de duração. Entre os ofertados estão "Fundamentos de Gestão de Custos", com as principais diferenças entre as contabilidades gerencial e financeira; "Produto, Marca e Serviços", que agrega desde design de embalagem até análise de marcas; e "Fundamentos da Gestão de TI", com conceitos do papel da tecnologia nos negócios.

    Kutztown University of Pennsylvania

    Com uma lista com 90 cursos on-line gratuitos, tem um que ensina a elaborar plano de negócios, além de abordar gestão e planejamento estratégico. Outro apresenta técnicas de gerenciamento. Conta ainda com cursos específicos na área de finanças e sobre negócios internacionais.

    MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts)

    Além de cursos, o MIT disponibiliza uma série de materiais para livre consulta como estudos de caso, notas industriais e simulações de gerenciamento que foram utilizadas nas aulas do instituto. Elas estão disponíveis com licença do "creative commons", um projeto mundial que permite a cópia e disseminação das informações para fins não comerciais, com a autorização prévia dos autores.

    A maior parte desse material engloba gerenciamento estratégico, negócios sustentáveis, liderança, inovação. Todo conteúdo está em inglês.

    Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas)

    O Sebrae tem um braço educacional voltado ao empreendedor. Os cursos vão desde como aprender a empreender até questões mais técnicas como planejamento financeiro, noções de excelência, uso da internet em pequenos negócios, gestão de cooperativas e até atendimento ao cliente.

    The Open University

    Na área de negócios, há cursos de finanças, marketing, gerenciamento e comunicação empresarial. A maior parte deles está organizada em etapas. Isso permite que estudantes iniciantes comecem seus estudos pelo primeiro módulo e evoluam aos níveis mais qualificados. O conteúdo está em inglês.

    Fonte: Folha