• publicado em 23.03.2011
  • Avanço de 0,6% da economia
  • Segundo Serasa
  • A economia brasileira cresceu 0,6% em janeiro ante dezembro, já descontadas as influências sazonais, segundo cálculo divulgado hoje pela Serasa Experian, empresa especializada em análise de crédito. Em relação a janeiro de 2010, a economia avançou 5,4%, conforme os dados da empresa.

    Os números da Serasa Experian servem de indicação para o movimento da economia ao longo dos meses. Oficialmente, o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro é calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulga o dado a cada trimestre.

    Na avaliação da Serasa Experian, a alta mensal de 0,6% do Indicador Serasa Experian de Atividade Econômica (PIB Mensal) pode ser explicada pelo consumo das famílias, que cresceu 0,5% em janeiro ante dezembro. No mesmo período, os gastos do governo avançaram 1%. Outro fator positivo foi a influência do setor de serviços, que cresceu 0,3%. Por outro lado, houve influência negativa da indústria e da agropecuária, que apresentam recuo de 0,9% e 0,5%, respectivamente.

    Para os economistas da Serasa Experian, a elevação da Selic (a taxa básica de juros da economia), além das medidas macroprudencias tomadas pelo Banco Central (BC), ainda não produziu um efeito significativo no processo de desaceleração da economia, inclusive nos setores ligados ao consumo.

    Fonte: G1