• publicado em 15.12.2010
  • Perspectiva
  • Inadimplência das empresas cai, diz Serasa
  • Indicador recuou 1,4% em outubro.
    Quanto a consumidores, perspectiva é que inadimplência cresça.

    O indicador que avalia a perspectiva da inadimplência das empresas registrou queda de 1,4% em outubro, chegando a 84,3, o 18º recuo mensal seguido, de acordo com levantamento da Serasa Experian divulgado nesta quarta-feira (15). O indicador projeta cenários em um período de seis meses.

    Tem contribuído para esse cenário a retomada do ritmo de crescimento mais acelerado da economia brasileira nos últimos meses, na avaliação dos economistas da Serasa. "Este cenário deverá ainda prevalecer ao longo dos próximos meses, colaborando para a continuidade de recuos graduais dos níveis de inadimplemento das empresas", disse a Serasa, por meio de nota.

    Quanto aos consumidores, o indicador Serasa Experian cresceu 0,8% em outubro - sexta alta mensal consecutiva, chegando ao nível de 92,8. Diante desses dados, a sinalização é de que a inadimplência do consumidor possa crescer no primeiro semestre do próximo ano, de acordo com o levantamento.

    Ainda que haja perspectiva de alta, o indicador ainda está abaixo do nível 100, o que indica que a inadimplência não deverá inviabilizar a expansão do crédito aos consumidores, segundo a Serasa.

    Fonte: G1