• publicado em 22.11.2010
  • Indústrias de Votuporanga
  • Optam pela inovação para se expandir no mercado industrial
  • Qualificação profissional e tecnologias diferentes são algumas das exigências para um melhor desenvolvimento

    A Mar Rio, empresa de confecção moda praia, buscando atender os gostos do consumidor e acompanhando as novas tendências, lança anualmente uma coleção moda praia com diversos modelos de biquínis, além de duas linhas fitness – roupa para malhar, geralmente utilizada em academias.  

    Nos dias de hoje a moda fitness deixou de ser exclusiva das academias, é comum ver mulheres caminhando pelas ruas com esse tipo de vestimentas porque com a correria do dia a dia, elas preferem algo mais confortável, leve e possam ir a qualquer lugar, até mesmo ao shopping com os filhos e amigos.

    Para o diretor de gestão da empresa, José Antônio Godoy Vilches, alavancar o setor fitness é fundamental para o fortalecimento dessa linha que surgiu há três anos. Para isso, a Mar Rio capacita seus colaboradores por meio de palestras e quando é um assunto mais técnico realizam cursos. Nessas palestras são abordados temas sobre tendências, mercado atual, importância do trabalho em equipe. Além disso, a empresa possui uma psicóloga para o acompanhamento psicológico dos colaboradores.

    A Mar Rio está entre as 29 melhores franquias, segundo a edição digital da revista Pequenas Empresas Grandes Negócios. Além disso, exporta produtos para: Estados Unidos, México, Canadá, Itália, Espanha, Alemanha, Portugal,
    Japão, África do Sul, Paraguai, Uruguai, Bolívia, Costa Rica, Porto Rico,
    Ilhas do Caribe, Trinidad Tobago, Nova Zelândia, Republica Dominicana,
    Martinica.

    Outra empresa que tem inovado em produtos e capacitações é a Giobel Móveis Corporativos que está no mercado desde 17 de janeiro de 1997.

    O diretor Agnaldo Giolo, afirma que a empresa foi constituída para produzir móveis para escritório, desde o início a preocupação foi em fazer os melhores produtos. “Os nossos produtos são de acordo com normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), seguindo rigorosamente todos os preceitos de ergonomia para os usuários”. 

    A empresa participa de várias exposições de móveis durante o ano, para apresentar seus produtos e obter uma visão do que está sendo produzido por outras indústrias. Segundo Giolo, é muito importante visitar as feiras de máquinas, matérias-primas e acessórios para a indústria moveleira, onde são apresentadas novidades para a produção de novas linhas em vários seguimentos como: cores de tintas, tipos de colas, materiais provenientes da madeira, estofamento para cadeiras e muito mais.

    A Giobel busca a qualificação de seus colaboradores, por meio de constantes treinamentos, além de aperfeiçoar alguns setores da empresa para o melhor desenvolvimento, devido às exigências do mercado.

    Para o diretor da empresa Artesofás, Sérgio Braga, se manter no mercado de estofados é sinônimo de novos produtos e mecanismos, pois o setor tem se desenvolvido muito. Segundo ele cada empresa possui uma maneira própria de trabalhar e assim, a indústria busca tecnologias diferentes para continuar atuante no mercado. Braga relata a dificuldade para exportar seus produtos, devido à desvalorização da moeda.

    Para o presidente da Airvo (Associação das Indústrias da Região de Votuporanga) e Sindimob (Sindicato das Indústrias do Mobiliário de Votuporanga), José Carlos de Melo e também empresário, é importante a inovação das indústrias tanto tecnológico, quanto socialmente, pois aqueles que vislumbram o inusitado, por meio de pesquisas, testes mercadológicos, capacitação de mão-de-obra e ações sociais alcançam novos mercados e são reconhecidos pelos seus esforços.

     

    Assessoria Airvo/Sindimob- Jéssica Santos