• publicado em 01.10.2010
  • Espaço empresarial foi inaugurado
  • Com objetivo principal de capacitar costureiras e empresários
  • Inauguração

    Foi inaugurado nesta manha (1°/10) O Espaço Empresarial “David Mendonça Pontes” o projeto tem como objetivo estruturar e implantar um local para aumentar a competitividade das micros, pequenas  e médias empresas, formar profissionais, suprir a demanda por mão de obra qualificada, oferecer suporte técnico e gerencial para empresários do setor de confecção, tendo como consequência a geração de emprego e renda para região.

    O nome do espaço é uma homenagem ao falecido empresário David Mendonça Pontes, um dos primeiros empresários da indústria de nossa cidade, como proprietário da extinta Santa Tereza indústria de móveis, participou da instituição da Airvo (Associação Industrial da Região de Votuporanga), do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial),  Fuvec (Fundação Votuporanguense de Educação e Cultura) e ex-presidente  da Unifev (Centro Educacional de Votuporanga).

     O espaço empresarial é uma parceria entre Airvo, Prefeitura Municipal de Votuporanga, Senai, Fuvec, Sebrae (Serviço de Apoio  a  Micro e  Pequena  Empresa), Senac(Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) e Governo do Estado de São Paulo, estiveram presentes na cerimônia várias autoridades como o presidente da Airvo/Sindimob José Carlos de Melo, o secretário de Desenvolvimento do Estado Luciano Almeida, o coordenador de Desenvolvimento Regional e Territorial da Secretaria de Desenvolvimento Hans Schaeffer e o prefeito de Votuporanga Junior Marão.

    A meta do espaço em seu primeiro ano de funcionamento é capacitar 150 costureiras e 40 empresários. A partir de 2012, a previsão será formar cerca de 240 alunos por ano. Responsáveis por gerar mais de dois mil empregos as empresas da região que são aproximadamente mais de 330 empresas nos municípios de Álvares Floresce, Américo de Campos, Cardoso, Cosmorama, Estrela D’Oeste, Fernandópolis, Floreal, General Salgado, Jales, Magda, Nhandeara, Sebastianópolis do Sul, Tanabi e Votuporanga serão as beneficiadas pelo projeto.