• publicado em 20.07.2018
  • Inovação e conteúdo marcam Formóbile
  • Feira apresentou tendências do setor para mais de 59 mil pessoas
  • A oitava edição da Feira Internacional da Indústria de Móveis e Madeira (ForMóbile), que aconteceu entre os dias 10 e 13 de julho, no São Paulo Expo, reforçou sua posição como um dos principais eventos da indústria moveleira na América Latina. Os quatro dias de feira registraram a visita de 59.160 pessoas, que conferiram tendências e inovações em acessórios e componentes, máquinas e equipamentos, ferragens, matérias-primas e insumos, apresentadas por cerca de 500 marcas de 13 países.

     

    A ForMóbile inovou seu formato com áreas simultâneas de conteúdos, mais de 70 horas de programação exclusiva e grande interação do público. Talks, palestras, painéis e apresentações de cases sobre a produção de móvel fizeram parte da programação diária do ForMóbile Trends, desenvolvido pela agência de conteúdo Siq Marketing, que é parceira do evento há quatro edições. Já o espaço Indústria do Futuro focou em tecnologia e novidades para a indústria e contou com o Circuito Manufatura do Futuro, que uniu automação, robótica e tecnologias avançadas para produzir um exemplar de Tangram, quebra-cabeça chinês formado por um conjunto de sete peças.

     

    Para complementar a tríade dos conteúdos, a Marcenaria Moderna falou aos profissionais da área a partir de assuntos sobre gestão de projetos e oficinas práticas. O Espaço Maker também estreou como um projeto inovador por meio de uma área preparada para apresentações ao vivo dos principais youtubers do setor moveleiro e da marcenaria, com bancada, ferramentas e materiais para que o público pudesse vivenciar a produção de peças de mobiliário.

     

    E por fim, com intuito de contemplar a principal matéria-prima da feira, o Espaço Madeira promoveu o segmento de madeira maciça no mercado. Idealizado em parceria com a revista Referência Industrial e com apoio da Associação da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (ABIMCI), a rede de atividades disponibilizada ao público teve como objetivo valorizar o setor e levar aos fabricantes de móveis, arquitetos, marceneiros e revendas mais informações na fabricação do mobiliário.

     

    Em relação ao business gerado na ForMóbile, entre as indústrias expositoras e o mercado externo, o Sindicato das Indústrias do Mobiliário (Sindmóveis) de Bento Gonçalves coordenou as rodadas de negócios do Projeto Comprador, por meio do Projeto Orchestra Brasil de incentivo às exportações de fornecedores da indústria moveleira, promovido em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Durante os dias 12 e 13, aconteceram 209 reuniões entre empresas brasileiras e importadores vindos de oito países: África do Sul, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, México, Paraguai e Peru. Foram gerados negócios na ordem de US$ 230 mil na ForMóbile, mas a previsão é de chegar a US$ 2,925 milhões nos próximos 12 meses.

     

    A edição, que encerrou superando as expectativas do público, teve qualidade do perfil de visitação como um dos pontos altos, com a presença efetiva do tomador de decisões das empresas. Segundo a organização da ForMóbile, vários feedbacks positivos afirmam que a feira está com mais ‘alma’ e identidade. “Nossos esforços e ações são baseados em pesquisas feitas com expositores e visitantes, por isso, seguramente todos os projetos implementados em 2018 que foram bem-sucedidos serão repetidos e intensificados para os próximos anos. A 9ª edição da ForMóbile já tem data marcada e acontecerá de 30 de junho a 03 de julho de 2020. Até lá, estaremos conectados com nosso público 365 dias por ano, com notícias do setor moveleiro publicadas no nosso canal digital e redes sociais”, comemora diretora da ForMóbile, Liliane Bortoluci.

     

    Fonte:- Móveis de Valor

    Crédito foto:- divulgação Móveis de Valor