• publicado em 28.07.2014
  • Boletim Abimóvel
  • Plano de Trabalho 2014/2015 para o Setor Moveleiro
  • O compromisso da ABIMÓVEL com o desenvolvimento da cadeia produtiva de madeira e móveis do país ganhou expressão muito mais concreta – e ambiciosa – durante o encontro de apresentação do Plano de Trabalho desenvolvido pela entidade para o exercício de 2014/2015.

    No dia 17 de julho, diretoria, conselheiros e sindicatos da Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário participaram de reunião, em Curitiba/Paraná, na FIEP - Federação das Indústrias do Estado do Paraná – a m de conhecer a proposta de atuação da entidade que deve pautar o próximo biênio.

    Em destaque, metas como a de retomar e fortalecer a agenda da ABIMÓVEL com as instituições empresariais e governo, ampliando sua participação junto a outras associações e entidades com o objetivo de sistematizar as reivindicações do setor moveleiro nacional. “Refletimos sobre as ações e atividades da entidade e estamos propondo uma revisão completa de sua atuação, a fim de fortalecer sua imagem, projetos e interlocução em âmbito nacional e, consequentemente, a representação em benefício das indústrias da cadeia de madeira e móveis”, comenta o presidente Daniel Lutz.

    Alicerçado na missão da entidade que é de “liderar, integrar, representar e desenvolver a cadeira produtiva de madeira e móveis, promovendo soluções para o desenvolvimento do setor”, o projeto já iniciou a sua implementação e suas ações devem crescer em projeção no decorrer do período. “O foco do trabalho está pautado em princípios como transparência, comprometimento, inovação e na busca de resultados efetivos, a fim de que a ABIMÓVEL consolide-se como referência em representatividade, liderança e gestão”, diz o presidente.

     

    O Plano de Trabalho está estruturado em seis eixos temáticos, prevendo um novo ciclo de posicionamento e gestão da entidade. São eles:

    1º - Saneamento da Entidade;

    2º - Aproximação com os polos, associados e empresariado;

    3º - Avaliação e reestruturação dos projetos e atividades;

    4º - Ampliação da participação da ABIMÓVEL;

    5º - Fortalecimento da gestão e imagem da entidade e

    6º - Ações Estruturais e Estratégicas

     

    Representatividade em Números

     

    A relevância da ABIMÓVEL no cenário nacional tem o respaldo dos números que o setor moveleiro apresenta: são quase 19 mil indústrias, que empregam perto de 330 mil prossionais em todo o país, conforme dados do IEMI (referentes a 2013). Essas empresas produziram, no ano passado, 511,8 milhões e peças que, em valores, signicam R$ 42,9 bilhões. Atualmente o Brasil possui polos moveleiros localizados em quase todos os Estados do Brasil. Os principais estão em Bento Gonçalves/Caxias do Sul/SC; Lagoa Vermelha/RS; São Bento do Sul/SC; Arapongas/PR; Mirassol/SP; Votuporanga/SP; Grande São Paulo/SP; Ubá/MG; Grande Belo Horizonte/MG; Grande Rio de Janeiro/RJ; Linhares/ES e Fortaleza/CE.

    19 mil indústrias

    330 mil empregos

    511,8 milhões em peças

    R$ 42,9 bilhões produzidos