• publicado em 03.07.2012
  • Governo prorroga redução de IPI
  • Empresários de Votuporanga estão otimistas com a medida anunciada
  • O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou na última sexta-feira, dia 29, a redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para o setor de móveis por três meses e a prorrogação da desoneração do imposto dos eletrodomésticos da linha branca por dois meses.

    As desonerações foram condicionadas a três compromissos. Segundo o ministro, indústria e varejo se comprometeram a repassar as desonerações para o consumidor, a manter o nível de nacionalização dos produtos e a manter os níveis de emprego.
    De acordo com o ministro, que esteve reunido com representantes da indústria e do varejo em São Paulo, as medidas adotadas pelo governo para manter o consumo aquecido têm sido bem sucedidas. As vendas da linha branca, por exemplo, cresceram 22% no primeiro semestre em comparação com o mesmo período do ano passado.
    Mantega ainda ressaltou que as desonerações têm ajudado a manter a inflação sob controle. "Uma parte da redução da inflação que nós tivemos se deve a essas desonerações", falou.

     

    Otimismo

    A presidente da Airvo/Sindimob (Associação Industrial da Região de Votuporanga/Sindicato das Indústrias do Mobiliário), Adelia Porto, comenta a decisão. “Considero esta prorrogação inteligente, e como verificamos a grande crise em outros países, é necessário continuar aquecendo a economia nacional. Então espero que o governo continue prorrogando e que isso termine com uma reforma ampla e inteligente nesta área tributária, além das outras já amplamente defendidas”, destacou.

    O vice-presidente da Airvo/Sindimob, Sérgio Braga, comemorou a medida. “Esta foi uma decisão acertada, importante para o setor moveleiro, porque sem dúvida alguma vai continuar aquecendo a economia, no sentido de vender mais”, disse.

    O diretor Agnaldo Álvaro Giolo está otimista com a prorrogação. “O primeiro semestre não foi legal para a grande maioria dos empresários. Todo movimento que vise melhorar a indústria, é bem vindo. Com certeza vem em uma boa hora, agora poderemos retomar nossas vendas. Essa prorrogação é de extrema importância para melhorar o setor”, disse. Ângelo Baldissera possui a mesma opinião de Giolo. “A medida favorece a indústria”, fala.

     

    Karolline Bianconi de Souza

    Assessoria de Imprensa Airvo/Sindimob

    (17) 3421-4077